CAFÉ EXPRESSO

Março 24 2007

 

 

 

Sinto o impasse. Algo me espera e eu, cansada pela turbulência alegre de parque de diversões  que há-de vir, estou aqui parada num descanso antecipado do meu sucesso. É por isso que não tenho vontade de sair para a noite e beber uns copos. Não se pense ou veja o sucesso como o sucesso. Aquele sucesso que sucede a alguma conduta nossa e nos torna famosos ou, pelo menos, bem sucedidos no sentido habitual do termo.

 

Espera-me o sucesso. Vou passar por cima das pedras e chegar ao cimo de algum lugar. Ou vou descer por elas e encontrar um recanto desconhecido de todos. Ou, então, vou guardar todas as pedras que encontrar no caminho. Guardá-las com as que já recolhi e, depois, vou construir um castelo. O meu castelo. A minha vida. Não como fez Fernando Pessoa. Uma obra inacreditável.

 

As minhas pedras são marcos e, concomitantemente, pontos de referência para o futuro. É verdade que as guardo. Mas não as arrumo ordenadamente em qualquer lugar por mim pré-determinado. Elas ajeitam-se sozinhas por onde querem na minha vida. Só mais tarde as poderei tomar. Mais tarde, depois deste impasse. Nesse dia começarei a construir o meu castelo. As pedras, o caminho e o castelo são, de facto, realidade que se me confundem.

 

Ando a tentar compreender o que quero através das pedras. O mundo está cheio delas. Não percebo porque razão só se usam pedras para a construção civil ou para alimentar ilusões e angústias nos gabinetes dos que se fingem magos. Não estou a prever o meu futuro e não acredito em adivinhos de carne e osso.

 

Acredito no vazio angustiado dos espíritos egocêntricos que só querem saber como anda a sua vida amorosa, a sua saúde ou o dinheiro. Problemas que lhes suscitam as leituras da literatura cor-de-rosa.

   

Acredito, pois, na Tertúlia cor-de-rosa, na SIC de manhã e na astróloga Maya que sabe tudo sobre as pessoas que aparentemente já conquistaram o que desejam na vida.

 

Acredito nos intriguistas porque são demasiado cobardes. A cobardia nota-se no cheiro. Acredito nos invejosos porque não conseguem resistir à intriga. Acredito nos medrosos porque são cobardes. Acredito nos incrivelmente vaidosos porque são egocêntricos. Acredito no povo faminto de atenção e ternura, comendo umas sardinhas, e olhando com devoção para umas lagostas suadas porque não as quer comer. 

 

Acredito nos impostores porque Hollywood é o centro do universo. Acredito no Vaticano e no Papa porque todas as pessoas de bom senso usam preservativo e em África se morre com Sida, de acordo com a fé da Igreja. Acredito na Opus Dei porque José Maria Escribá já é um santo. Acredito na política porque não lhe percebo o discurso e vejo obedece à lei das pás do moinho (umas vezes em cima, outras em baixo), sendo as caras sempre as mesmas em sensatas alternâncias.

 

Acredito na estupidez humana porque falta sentido crítico e o George W. Bush é o homem mais poderoso do mundo. Acredito na globalização e no excesso de liquidez porque há muita fome no mundo.

 

Por enquanto, ainda acredito em mim. Até passar o impasse.

 

publicado por Cat2007 às 01:53
 O que é? |  O que é? | favorito
Tags:

Olá... Estive a cuscar o teu blog e gostei muito do que vi... Visita também o meu blog pessoal em http://_deep_waters_.blogs.sapo.pt/... Deixa as tuas sugestões ou comentários... Partilha também as tuas opcções musicais...

Porque a música faz parte das nossas vidas...


Olá, que boa surpresa. Já abri o teu blog . Gostei do aspecto. Agora tenho de lá voltar com tempo porque há muito para ver. Vou lá deixar marcas pessoais. Podes crer. Bjs .
Cat2007 a 25 de Março de 2007 às 20:39

"A minha frase favorita é a minha quando me sai bem"
pesquisar
 
stats
What I Am
comentários recentes
Já tinha saudades de ler o seu blogue.
Ok. Obrigada, querida.
Tu também!Envio te o número por FCP para o caso de...
Muito obrigada, Bruno.
Gostei do post.Não os lia faz algum tempo, já tinh...
Também estás na terapia. Ainda bem. Mas podemos se...
Ora, são as agressões.
Posts mais comentados
140 comentários
122 comentários
122 comentários
106 comentários
82 comentários
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


Março 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
16
17

19
21
23

25
27
28
29
30
31


blogs SAPO