CAFÉ EXPRESSO

Janeiro 21 2011

 

Sou contra a regra. Nunca contra-regra. Só vale a minha regra aqui. Na minha via. Portanto, sou contra a regra dos outros. Só acredito nas regras dos outros em que eu acredito. Essas são boas para mim. Sei muito bem que não se pode viver sem regras. Aceito. Mas tenho uma postura minimalista. E sempre que descubro um espaço desregrado, lá estou eu a colocar as minhas regras.

 

O meu desejo deve ser o poder. Só pode ser isso. O desejo de decidir. Deve ser o desejo do poder para evitar a subjugação. Como se o jogo fosse assim. Uns mandam e os outros obedecem. E isto não é verdade. Onde está o equilíbrio concedido pela filosofia democrática de vida? A democracia stinks.  Porque temos todos que andar na linha.

 

A ditadura é bem melhor. Mas só para quem dita. Se se dita alguma coisa, é muito bom. Discutir posicionamentos dá enormes dores de cabeça. Toda a gente quer afirmar aquilo que não lhe interessa verdadeiramente. Todos andam a ver se se integram em alguma coisa pequena e no contexto global. Como se apontassem armas ao chão e dessem sucessivos tiros nos pés. Admira-me como ainda se vendem sapatos.

 

Ditar é que é bom. Os professores da primária ditam imensos ditados. Lembro-me de desejar ditar os ditados que me ditavam. Sempre compreendi que era mais fácil. Até porque eu sou canhota. É mais difícil escrever depressa e bem quando se faz com a mão esquerda. É sufocante ser ditado. Principalmente na escola primária. Escrever depressa, bem e sem erros. Conseguia. Eu conseguia. Mas não gostava. O que eu queria era corrigir os ditados. Depois de os ditar. Está claro.

publicado por Cat2007 às 15:39
 O que é? |  O que é? | favorito
Tags:

acho a fotografia ideal para ilustrar este post da Ditadura só ainda não percebi muito bem porque acho eu isto.
reparei que agora há bonequinhos no final do post para partilhas e isso, giro.
ah a da fotografia és tu?????????
se calhar o teu sonho era ser professora, podias fazer ditados e isso. posso tratá-la por tu? 
Catarina a 21 de Janeiro de 2011 às 16:04

esclarecendo melhor para não correr o risco do meu comentário ter a classificação infantil.
Li o texto e passou-me pela cabeça que esse sentimento podia ser bem mais simples do que essa aparente insatisfação democrática.
Até porque já a vi lidar com crianças e um bebé e pareceu-me que leva jeito e consegue angariar alguma credibilidade entre os mais novos. Pareceu-me inspiradora a ideia de vê-la como Professora, uma das várias formas de devolver o equilibrio à filosofia democrática de vida.
"a democracia stinks" é quando se percebe a ironia no seu gosto pela ditadura?
eu por exemplo sou uma fã da democracia que é a única hipótese que tenho de resvalar na linha, ainda que seja por minha conta e risco.
Catarina a 21 de Janeiro de 2011 às 16:27


Aperente insatisfação democrática. Aparente diz muito bem. A democracia é o menos mau dos sistemas, como se sabe. Isto porque não há sistemas perfeitos. Portanto, é o melhor sistema de todos. Graças a Deus que existe. Não existisse e eu não podia estar para aqui a dizer o que me apetece, por exemplo.
Mas a parte que chateia na democracia é mesmo a força da hermonização e a obrigatoriedade de respeitar sempre a regra. A norma juridica é o pilar do sistema democrático. Portanto, generalidade e abstracção para todos nos comportarmos by de book e, por isso, sermos o mais parecidos possível uns com os outros. Nunca mais aparecerá um Da Vinci à conta destas coisas.
No mais, a dituadura que me encanta é pessoal. Todos somos ditadores em algum lado da nossa personalidade. O exercíco da ditadura deve ser sempre individual. O sonho é que a ditadura deixe de ser um sistema político para passar a um execício privado. Lá esta, ser professora. É uma boa ideia.
Cat2007 a 22 de Janeiro de 2011 às 14:37


Classificação: infantil.
Cat2007 a 21 de Janeiro de 2011 às 16:32


A fotografia deve ser a ideal porque é uma mulher que vem despida para a rua. E todos achamos que pode. É uma mulher que só faz o que quer.
Cat2007 a 21 de Janeiro de 2011 às 16:35

"A minha frase favorita é a minha quando me sai bem"
pesquisar
 
stats
What I Am
comentários recentes
Sabia que fazia anos, tinham me dito, mas no meio ...
há "sinais" que não devemos negar :D
Se o tédio estiver instalado numa relação, então é...
o tédio pode estar na própria relação... ou não?
No entanto, de facto, não associei. Ninguém é infi...
achei graça foi associares a tua infidelidade ao t...
Já tinha saudades de ler o seu blogue.
Posts mais comentados
140 comentários
122 comentários
122 comentários
106 comentários
82 comentários
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


Janeiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
14

16
18
19
20

24
28
29

31


blogs SAPO