CAFÉ EXPRESSO

Abril 04 2014

 

 

Ontem estava sentada numa sala de espera sozinha. Posteriormente apareceram duas pessoas. Um homem e uma mulher. A mulher chegou primeiro. Era baixa e gorda e tinha vestida uma camisola de lã azul mesclado. O homem tinha cabelo branco e óculos e usava debaixo do braço um livro e um tablet.

 

Detestei estar ali. Meti os olhos parto do teto. Meti  os olhos no colo. De repente deixei de ter espaço para olhar livremente para onde quisesse. Das três paredes livres restava-me apenas só uma. A do meu lado esquerdo. Não dá jeito físico olhar para o lado esquerdo continuamente. Nem ia parecer bem.

 

Tive sorte. Porque ambos foram chamados ao mesmo tempo. Não sei para que gabinetes. Lá fiquei sozinha como desejava. Só que eu não desejava ficar sozinha. Desejava não ficar ali à espera. Desde pequena que tenho dificuldades com a espera. Levanta-se-me a ansiedade. De qualquer maneira antes à espera só do que acompanhada.

 

Estive mesmo para perguntar na consulta: mas afinal o que é que eu tenho? Ainda falámos do desconforto com as pessoas. Talvez eu não gostasse que olhassem para mim. Mas eu olhava para as pessoas e fazia juízos de valor. Talvez não quisesse que olhassem para mim e fizessem juízos de valor igualmente.  Mas acabei a não concluir nada de jeito. As perguntas foram-me devolvidas. Como é suposto ser, e eu, para já, não tenho respostas satisfatórias.

 

publicado por Cat2007 às 18:35
 O que é? |  O que é? | favorito
Tags:

esforças-te por ter alguma coisa mas a verdade é que não tens nada, nada de mal. penso que o drama é tb esse. e quanto à chatice da espera, há quanto tempo se gritou "eureka" e se encheram as salas de espera de revistas? agora chega cá que "eu vou explicar-te o teu post" 
Catarina a 4 de Abril de 2014 às 18:57

...post que adorei, diga-se de passagem. eu já o explico, até já.
Catarina a 4 de Abril de 2014 às 18:58

Mas eu odeio as revistas!!!

são fracas de propósito. para esvaziar e fazer reset ao organismo. podias entreter-te a odiar só as fotografias...ou não. há quem diga que as paredes que te rodeiam são lindas tal é a tua insistência em olhar para elas.nas salas de espera fazes um esforço e olhas para a parede da esquerda. suspeito que não deves ter nada de grave mas a expressão "é grave doutora?" tb pode desanuviar, não sei pois se tu é que sabes de ti...
Catarina a 4 de Abril de 2014 às 19:42

Sim. Eu é que sei de mim e das minhas dores

ah que giro eu tamém 
Catarina a 4 de Abril de 2014 às 19:45

"A minha frase favorita é a minha quando me sai bem"
pesquisar
 
stats
What I Am
comentários recentes
Mas a questão é que, antes de se preocuparem com o...
yah, a quantidade de construções emocionais que nã...
Sabia que fazia anos, tinham me dito, mas no meio ...
há "sinais" que não devemos negar :D
Se o tédio estiver instalado numa relação, então é...
o tédio pode estar na própria relação... ou não?
Posts mais comentados
140 comentários
122 comentários
122 comentários
106 comentários
82 comentários
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


Abril 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


blogs SAPO