CAFÉ EXPRESSO

Abril 05 2017

Resultado de imagem para joão villaret

 

Queria falar de ciúme através de um poema próprio. O Fado falado, por João Villaret (e por mais ninguém). Eis um excerto:

 

Viu ele acompanhado/Com outra ao lado, de braço dado/Gingão, feliz, levião/Um ar fadista e bizarro/Um cravo atrás da orelha/E preso à boca vermelha/O que resta de um cigarro/Lume e cinza na viela,/Ela vê, que homem aquele/ O lume no peito dela/A cinza no olhar dele/E o ciume chegou como lume/Queimou, o seu peito a sangrar/Foi como vento que veio/Labareda atear, a fogueira aumentar/ Foi a visão infernal/A imagem do mal que no bairro surgiu/Foi o amor que jurou/Que jurou e mentiu/Correm vertigens num grito/Direito ou maldito que há-de perder/Puxa a navalha, canalha/Não há quem te valha/Tu tens de morrer
 

É neste tipo de ciúme que eu acredito.

 

publicado por Cat2007 às 13:09
 O que é? |  O que é? | favorito
Tags:

Março 01 2017

 

Resultado de imagem para ciúmes

 

“Não tenho nada para te dar” é um texto que escrevi há algum tempo. E, porque me apareceu nas Memórias do Facebook, estive a relê-lo. Fala de amor. Não importa, porém, dizer aqui o que escrevi lá. De outro modo, estaria a repetir-me.

 

Enfim, não era aparentemente necessário este introito para falar do que ora me interessa, que é o ciúme. Só que o texto se referia a uma pessoa ciumenta e por isso lembrei-me.

 

Enfim, ando a empreender silenciosamente no facto de não ter ciúmes. Nunca tive. Aqueles ciúmes que ocorrem recorrentemente no âmbito de uma relação que não está para acabar (por causa de outra pessoa). Não tenho, como disse.

 

De facto, não me entretenho a procurar pistas ou a inventar cenários. Não me preocupa saber que vai sair com as amigas e quantas são. Não quero saber se trabalha no meio de figuras públicas e demais gente conhecida. Não me interessa com quem almoça ou se esteve a conversar longamente com alguém bonito e bem-disposto.

 

Depois, noutro texto (já que agora não tenho tempo), explicarei melhor a razão pela qual me parece que os ciúmes são tiros no próprio pé, bem como é certo que os mesmos não provam nada em relação ao amor do ciumento.

 

publicado por Cat2007 às 17:18
 O que é? |  O que é? | favorito
Tags:

"A minha frase favorita é a minha quando me sai bem"
pesquisar
 
stats
What I Am
comentários recentes
Duas situações recentes... Lamento muito. Espero q...
Como te compreendo!Eu costumo dizer que algo se qu...
Sim. Acredito.Beijo.
Não podia concordar mais. Infelizmente padeço dess...
Eu esforço-me por não ser-
sim...no mais , é mais isso. com sorte, seremos nó...
posts recentes

O CIÚME

CIÚMES

arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


subscrever feeds
Maio 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12
13

17
20

21
22
23
26

28
29
30
31


blogs SAPO