Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CAFÉ EXPRESSO

"A minha frase favorita é a minha quando me sai bem"

CAFÉ EXPRESSO

"A minha frase favorita é a minha quando me sai bem"

AS COBRAS


Cat2007

05.01.16

 

Hoje sonhei com cobras, cocaína e mulheres. Não me lembro grande coisa do sonho quanto às mulheres. Mas as cobras recordo. Sei que estava numa casa cheia delas. E a qualquer momento podia aparecer uma e morder-me. Vivi o sonho apavorada nesta parte.

 

Ainda que não de propósito, estava a deixar passar a cocaína. Uma orgia dela. Na verdade, consumi um bom bocado. Até que a minha mãe apareceu. E aí tive que parar e esconder.

 

Afinal sempre me lembro de alguma coisa sobre as mulheres que me apareceram em sonhos. Uma foi de facto a minha mãe. A outra era uma que consumia a dita cocaína comigo. Para o que importa, ambas desapareceram. E fiquei só com as cobras e os pacotes de coca escondidos a que não podia aceder porque tinha medo de me mexer. Por causa das cobras, como disse.

 

Com efeito, as mulheres do sonho desapareceram dele. Mas também já tinham desaparecido da minha vida. Ambas morreram em anos diferentes.

 

Da minha mãe sinto muito a falta nos dias seguidos da minha vida. Por isso sonho com ela muitas vezes. E não há cobras.

 

Da outra ficam-me sobretudo as memórias da cocaína e das cobras (creio que este foi sonho único). Porque, suponho, uma coisa deve ter a ver com a outra. Deixar de consumir cocaína por medo da mordida de uma ou mais cobras é uma excelente razão para deixar de consumir cocaína.

 

Creio que a minha mãe apareceu neste sonho para me impedir de consumir mais cocaína. E conseguiu. Em sonho como em tempos na vida acordada.

 

stats

What I Am

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.