Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CAFÉ EXPRESSO

"A minha frase favorita é a minha quando me sai bem"

CAFÉ EXPRESSO

"A minha frase favorita é a minha quando me sai bem"

QUANDO NOS AGRIDEM


Cat2007

27.05.17

 

Resultado de imagem para saco de boxe wallpaper

 

Quando era pequena respondia imediatamente às agressões, físicas e não físicas, à estalada. É muito natural os miúdos andarem à estalada. Creio que é, até, saudável. Porque libertam os seus instintos primários de uma forma também primária, logo muito próxima da natureza. Portanto, eu andava imensas vezes à pancada. Por ser muito saudável, lá está.

 

No entanto, à medida que vamos crescendo, temos que nos deixar disso. De andar a bater nas pessoas. Basicamente, porque não nos fica nada bem. É preciso ser civilizado. E fenómenos, como escândalos e peixeiradas aterram-nos. Pelo menos aos que tentam, precisamente, ser civilizados. Além de que ninguém quer arriscar uma ida à policia ou, pelo menos, ser alvo de um processo disciplinar, por exemplo. Destas considerações estão excluídos os barraqueiros de sangue, é claro.

 

Assim, no mundo dos adultos, as agressões são maioritariamente verbais. E, normalmente, são indiretas ou veladas. Porém, doem como verdadeiros socos no estômago, sendo que a vontade de ripostar com um murro a sério é enorme. Como se sabe, agressividade fomenta agressividade, pelo que a grande questão aqui é a de saber como nos havemos de controlar para não fazer asneiras, conseguindo, ao mesmo tempo, agredir de volta sem consequências de maior.  

 

Quando me agridem, sinto o peito em chamas e a cabeça “a mil”. Ou seja, a pensar em mil murros, pontapés e dentadas. Mas não deixo que se note porque acredito que a melhor resposta a uma agressão é fazer sentir ao agressor que a sua conduta não produziu os efeitos desejados. Portanto, atuo pela dissimulação. E, depois, já mais calma, respondo pelo cinismo, sorrindo sempre. Deste modo, na maior parte das vezes, saio “por cima”. Mas apenas no que toca áquilo que parece. Agora, a verdade é que a coisa fica a moer-me cá dentro por algum tempo. Até que, felizmente, passa.

 

Em resumo, quem me dera ser criança outra vez!

 

stats

What I Am

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.