Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CAFÉ EXPRESSO

"A minha frase favorita é a minha quando me sai bem"

CAFÉ EXPRESSO

"A minha frase favorita é a minha quando me sai bem"

A PREGUIÇA NÃO É UM PECADO


Tita

18.07.12

 

 

Aposto que o Fernando Pessoa era um enorme  preguiçoso. E que, em maior ou menor medida, todas as pessoas são criativas – embora isto, em bom rigor, não valha a pena apostar, uma vez que está provado cientificamente.  Que alguns ou muitos não o aproveitem por falta de oportunidade, conhecimento ou interesse é outra questão.

 

Pois a preguiça amiga da criatividade. Em primeiro lugar, um preguiçoso é capaz de trabalhar com mais intensidade, por mais tempo seguido e com mais empenho do que outra pessoa qualquer. E isto acontece quando está a fazer exatamente aquilo que quer ou então, relativamente ao que não quer, se já não pode adiar mais. Assim, normalmente um preguiçoso apresenta resultados impressionantes designadamente do ponto de vista da criatividade.

 

Voltando ao Pessoa, ninguém poderia refletir daquela maneira tão esmagadoramente profunda  e evidente estando sempre em movimento físico e inerente ocupação mental. Levantar às 8h, tomar banho, lavar os dentes, vestir o adequado, pequeno almoço, sair, entrar no carro, andar no trânsito, estacionar, pagar o parque ou o parquímetro, subir ao local de trabalho, entrar na rotina, olhar para o relógio, sair para o almoço, restaurantes cheios, voltar do almoço, olhar para os papeis, ouvir o telefone, sair às 7h, voltar para o carro, para o trânsito e para casa, quem faz o jantar? - se houver empregada melhor -, telejornais e talvez uma novela brasileira  para relaxar e um livro para adormecer.  É claro que os carros podem ser autocarros, as crianças eventualmente existirão, o escritório pode ser uma fábrica ou a caixa de um supermercado. E tudo fica ainda pior. Mais difícil.

 

Por outro lado, tenho uma amiga que é pintora. Nunca fez nada na vida para além disso e por isso nunca tem dinheiro para nada. Também não é fácil. Se o corpo não está muito agitado, a cabeça pode não descansar com preocupações, sendo que a fundamental se prende com a necessidade de arranjar forma de pagar as contas.

 

Creio que, por sorte de ter nascido no sítio certo, Pessoa não passou por grandes dificuldades financeiras. E aí está o resultado. Um supercriativo. Uma obra espantosa. E acima de tudo,uma dádiva para todos nós.

 

Mas Pessoa é só um exemplo. E nem todos podem ter o mesmo génio, evidentemente. Porém, se o mundo e a vida fossem perfeitos, os preguiçosos não existiriam, os atuais movimentados dar-nos-iam coisas com mais substância humana e com certeza seriamos todos muito mais felizes.

 

 

11 comentários

Comentar post

stats

What I Am

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Em destaque no SAPO Blogs
pub